sábado, agosto 11, 2012

Madeleines de água de flor de laranjeira e o final de outra trilogia

English version

Orange blossom madeleines / Madeleines de água de flor de laranjeira

Depois de dois meses de altos e baixos, finalmente terminei de ler "Mockingjay" e quero agradecer as leitoras Gertrude e Deh por seus comentários pois foram eles que não me deixaram desistir do livro; depois do que pareceu ser séculos – mas na verdade era apenas um punhado de páginas – a história ficou super interessante novamente, como nos dois livros anteriores: eu não conseguia largar o livro e cheguei a considerar a idéia de levá-lo pra debaixo do chuveiro comigo. :D
Uma visita rápida a um dos meus sites favoritos mostra que a lista de ótimos atores escalados para “Em Chamas” cresce quase que diariamente, e agora que Peter Jackson me fez perder completamente o interesse por “O Hobbit” posso direcionar minha atenção – e ansiedade – para outro filme. :D

Adoro preparar madeleines mas não o fazia havia bastante tempo – acho que haviam ficado meio esquecidas, como o pobre “Mockinjay”. A água de flor de laranjeira dá um toque sutil e gostoso aos bolinhos, mas se vocês não tiverem em casa – ou não gostarem – é só omitir e usar as raspas da laranja inteira para criar madeleines de laranja.

Madeleines de água de flor de laranjeira
um tiquinho adaptadas da sempre lindíssima Australian Gourmet Traveller

- xícara medidora de 240ml

½ xícara + 1 colher (sopa) - 127g - de manteiga sem sal + um pouquinho extra para untar as forminhas
1 colher (sopa) de mel
raspas da casca de ½ laranja
½ colher (chá) de extrato de baunilha
1 xícara (140g) de farinha de trigo
½ xícara + 2 colheres (sopa) - 124g - de açúcar cristal
2 ovos grandes
1 colher (chá) de água de flor de laranjeira (ou a gosto)

Coloque a manteiga em uma panelinha e leve ao fogo médio-alto até derreter e começar a dourar. Retire do fogo, acrescente o mel, as raspas de laranja, a água de flor de laranjeira e a baunilha, misture e deixe chegar à temperatura ambiente.
Enquanto isso, coloque a farinha, o açúcar, o sal e os ovos em uma tigela média e misture com um fuê até obter um creme homogêneo. Deixe descansar por 10 minutos. Aos poucos, incorpore a mistura de manteiga à mistura de farinha e bata bem até ficar homogêneo. Cubra com filme plástico eleve à geladeira de um dia para o outro.
Pré-aqueça o forno a 190°C. Unte com a manteiga derretida extra 24 forminhas de madeleine com capacidade para 1 colher (sopa) de massa cada. Leve as forminhas à geladeira por 10 minutos. Coloque uma colherada de massa em cada forminha e asse até que as madeleines dourem, cresçam e firmem, 10-12 minutos. Ao retirar do forno, remova-as das forminhas e deixe esfriar completamente sobre uma gradinha.

Rend.: 24 unidades

8 comentários:

Ana Maria Langsch Tecles disse...

Patricia,
adorei a receita... Nunca fiz madeleines mas é algo que meatrai muuuito. Na França comprei livros sõ delas.... mas nunca fiz e simplesmente pq não tenho a forma, acredita? aki não vejo p/ vender, só mesmo pela internet.
Essa receitinha com água de flor de laranjeira me pegou de jeito. vou ver se compro uma forma nesse final de semana p/ testar as queridinhas.
elas viciam?????
Bjs,

Danni e Lype disse...

Uau!!! Alem de lindos... DELICIOSOS!!! Adorei!!! Bjs.

Karina Batista disse...

Pat, sempre que venho aqui lembro que preciso de forminhas de madeleines. Já vi várias pela internet, mas nunca vi para vender nas lojas que tem por aqui. Vou anotar para não esquecer. Beijo e bom domingo

mariacarambola.wordpress.com

♥♥♥

Amanda P disse...

só eu fiquei decepcionada com a escolha pro finnick odair? enquanto lia, sempre imaginei alguem parecido com o jesus luz (menos a cara de bbk)

Patricia Scarpin disse...

Ana, as minhas forminha comprei na Barra Doce e sei que eles enviam por Sedex para vários lugares. Bj!

Ká, já tentou a Barra Doce? Minhas forminhas são de lá.
Bjão!

Amanda, ainda não foi decidido quem será Finnick, o Sam Claflin está apenas "rumored". Putz, Jesus Luz? Não concordo. :S
Finnick teria de ser super mega atraente...

Linda disse...

Oi Patricia comecei a visitar seu blog pelas receitas maravilhosas e todas que preparei deram o que torna o prazer por cozinhar ainda maior, mas agora agora além das receitas adoro seus comentarios pelos livros e filmes é claro e atraves deles já li duas trilogias que em determinado momento é impossivel de parar de ler ... muito obrigada! Bjos

Deh disse...

Oi, linda, vim agradecer pela menção e dar parabéns por você ter terminado a trilogia. É impressionante, né? Me encanto tanto com a trajetória da Kat e acho que os filmes não vão dar conta da complexidade disso não. Paciência, sempre teremos os livros.

Sobre o Finnick: eu num curto muito o R-Patz mas ele é bonito pra caramba. Se fosse só isso e não fosse importante ter um talentinho histriônico eu acho que seria uma boa escolha pro papel. Ainda acho que o melhor do filme é o Haymitch, escolha brilhante (gostei do Cinna também, embora odeie ler com a imagem da tela na cabeça, acho que contamina).

Beijo!

Deh

Patricia Scarpin disse...

Oi, Linda! Tudo bem?
Eu é que agradeço você ter vindo aqui me contar dos livros, que coisa boa, menina!
Beijão!

Deh, querida, eu é que agradeço! O livro realmente é muito bom!
Você acha o R-Patz bonitão? Gosto dos olhos, mas não muito mais do que isso... Finnick, além de bonito, tem um borogodó, né? E quanto ao Haymitch, também AMEI, achei a perfeição. Idem para o Cinna. Depois de ter todos os livros fiquei meio na dúvida com a escolha para o Peeta. :/

Related Posts with Thumbnails